Cumprindo com as medidas de prevenção à Covid-19, com máscaras, distanciamento e uso de álcool gel, equipa técnica do FAS trabalha de forma árdua com vista ao pagamento, no dia 30 de Junho de 2020, das primeiras famílias beneficiárias para as Transferências Sociais Monetárias, no quadro do Programa Kwenda, no município de Cambundi Catembo, província de Malanje, acto que marcará o encerramento da fase Piloto do Programa.

Uma das duas últimas a fazer pagamentos na fase Piloto, à par de Cuito Cuanavale, na Província do Cuando Cubango, em Cambundi Catembo, o Fundo de Apoio Social prevê pagar, numa primeira fase, cerca de 1000 Famílias, que deverão receber 25.500 Kz, cada, trimestralmente, equivalentes a 8.500 Kz/mês.

Parte do Programa de Fortalecimento do Sistema Nacional de Protecção Social (PFSNPS), denominado KWENDA, a componente das Transferências Sociais Monetárias é já um facto nos Municípios do Nzeto, na Província do Zaire, onde foi feito o lançamento no dia 30 de Maio, e no Município da Ombadja, na Província do Cunene, cujo lançamento aconteceu no Sábado, 27 de Junho de 2020. Na Segunda-feira, 29 de Junho, será a vez das famílias do Município da Cacula, na Província da Huila, a beneficiar do Programa.

Avaliado em 420 Milhões USD, o KWENDA é um programa do Governo de Angola, financiado pelo Banco Mundial com 320 Milhões USD, sendo os outros 100 milhões USD provenientes do Tesouro Nacional, e prevê beneficiar mais de 1.600.000 famílias em situação de vulnerabilidade e pobreza extrema no país.