O Secretário de Estado do Ministério da Administração do Território para  as Autarquias Locais, Márcio Daniel, a quem coube a abertura da formação dirigida aos quadros do Fundo de Apoio Social (FAS), em representação do Ministro da Administração do Território, Marcy Lopes, que decorre de 08 a 12 de Fevereiro de 2021, na Escola Nacional de Administração e Políticas Públicas (ENAPP), apresentou aos quadros desta instituição o desafio de fazerem com que a vida se faça efectivamente nos Municípios, bem como a desconcentração das mentes e a desmistificação da cultura e da ideia da falta de capacidade técnica dos órgãos e agentes locais.


De acordo com Márcio Daniel, aos quadros do FAS cabe, igualmente, o desafio de preparar os órgãos e agentes locais para fazerem da municipalização dos serviços uma oportunidade de maximizar a utilidade dos seus destinatários através da simplificação  e modernização administrativas. Os quadros do FAS devem, ainda, empoderar económico e financeiramente o empresariado e micro-empreendedores locais, como forma de reforçar a sua inclusão produtiva e, desta forma, potenciar a diversificação das elites económicas.

Esta é a segunda formação, dirigida aos Chefes de Departamento Executivo Provinciais e Técnicos das províncias de Luanda, Bengo, Zaire, Benguela e Cuanza-Sul. A primeira teve lugar no na Província do Huambo, em Janeiro deste ano, e teve como público-alvo os Chefes e técnicos do FAS nas Províncias do Cuando-Cubango, Bié, Namibe, Huíla, Cunene e Huambo.